Início > Notícias de Atualidade
Principal área da Unidade 731 do Japão será aberta ao público
2014/07/07

Harbin, 7 jul (Xinhua) -- A área principal do local da guerra biológica feita pela notória Unidade 731 do Japão em Harbin, nordeste da China, será aberta ao público em 2015, informou nesta segunda-feira o Museu de Evidência dos Crimes de Guerra pela Unidade 731 do Exército Japonês.

A área, incluindo um laboratório de bactéria e uma prisão usada para prender as pessoas para os experimentos biológicos, está sob um processo de limpeza que será concluído em outubro, de acordo com Jin Chengmin, curador do museu.

O laboratório e a prisão são evidências diretas da guerra biológica e química da unidade militar, segundo Jin.

"Tentaremos abrí-la ao público durante o 70º aniversário da vitória da Guerra Anti-japonesa", disse ele.

A unidade 731 foi uma base de pesquisa da guerra biológica e química estabelecida em Harbin em 1935 e centro da guerra biológica feita pelo Japão na China e no Sudeste Asiático durante a Segunda Guerra Mundial.

Mais de dez mil pessoas morreram em experimentos no local. Cidadãos e prisioneiros de guerra da China, União Soviética, Península Coreana e Mongólia perderam suas vidas nas mãos dos cientistas japoneses.

Os invasores japoneses explodiram a base ao fugir do local quando o exército da União Soviética tomou Harbin em 1945. Fim

Suggest to a friend   
Print